top of page

CARTAS DE CORTÉS - PARTE VI

Montezuma Envia Ouro para os Espanhóis


Durante o em que eu estava em guerra com esta província, Grande Senhor Católico, e enquanto eu estava ainda no campo, vieram a mim seis senhores, os prinicpais vassalos, de Montezuma, com cerca de duzentos homens em seus treinos e me asseguraram o desejo de se tornarem vassalos de Sua Majestade, e meu amigo; E para me satisfazer da sinceridade do ofício dele, ele poderia se ajoelhar para Sua Majestade e pagar anualmente um tributo em ouro e prata, pedras preciosas, escravos, e roupas de algodão, e outras coisas que ele possuía; Ele nos daria tudo isso, mas ele desejava não ser visitado em seus domínios, pois seus reino era muito estéril e carecia e era destituído das necessidades da vida, e ele lamentava as privações de que eu e meu séquito deveriam suportar. Ele me enviou com as mesmas pessoas com quase mil pesos de ouro, grandes peças de algodão, roupas de todos os tipos que eles vestiam. Eles ficaram comigo durante todo o tempo da guerra, até o seu fim, e viram o que os espanhóis são capazes de fazer; E eles ainda conheciam os termos de paz que esta província fez, e os ofícios que prestaram aliança a Vossa Majestade, parte dos nobres de toda a terra, assim apareceu; Mas eles não mostraram sinais de prazer nestas coisas e eu trabalhei em cada pequena forma para me prejudicar contra este povo, dizendo que não havia confiança a ser depositada no que eles me falaram, nem sinceridade em seus ofícios ou amizades, da qual foram feitas para me acalmar e dar sensação de segurança, então eles poderiam me trair com impunidade.


Hernán Cortés, Segunda Carta, página 63 - 64.


Fonte: American Historical Association.


14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page